SEPARANDO O JOIO DO TRIGO : Atos extremistas de uma pequena minoria não tira a legitimidade da maioria das manifestações democráticas contra um governo ditatorial e comunista instaurado no pais


(*) Taciano Gustavo Medrado Sobrinho
Professor, engenheiro, administrador, matemático e psicopedagogo

Os Lulapetistas comunistas estão comemorando e se sentindo muito confortáveis após os atos de violências ocorridos no último domingo (8) quando uma minoria de extremistas atacaram a Esplanada dos Ministérios, a sede do STF e o Palácio do planalto. Para esses o rigor da lei deve ser aplicado, porém, a mídia esquerdista e a opinião público não podem se  servir  de justificativa para se rotular todos aqueles cidadãos de bens que sacrificaram mais de 70 dias de suas vidas e ficaram acampados á gente dos quarteis e se mantiveram fazendo protesto pacíficos sem haver uma pedra atirada contra algo ou alguém, mas que estão sendo tratados como se fossem terroristas, radicais, antidemocratas.

Essa é a narrativa da esquerda na tentativa de sufocar e calar a voz de mais de 58 milhões de brasileiros, que não aceitam que um descondenado que passou 580 dias trancafiado em cela da carceragem da PF em Curitiba e anistiado por uma “canetada” de um ministro do supremo assuma o comando do pais.

A própria esquerda, especificamente os petistas possuem nas suas fileiras radicais extremistas que também já praticaram atos de violências contra a Esplanada dos Ministérios, quando em 2017 um grupo invadiu o prédio do Ministério da agricultura do governo Temer e ateou fogo, nem por isso a imprensa rotulou todos os petistas de terroristas. Reveja a matéria

De um a coisa é certa, o Brasil precisa reencontrar a "normalidade democrática", mas para isso é preciso que os três poderes respeitem a constituição Federal, e que o  atual mandatário desça do palanque e abandone seu plano de vingança e procure se tratar da “síndrome Bolsonaro”, que o congresso Nacional e o Senado exerçam seu papel de conciliador e não de bajuladores omissos que se preocupam somente com seus umbigos, e por fim que o Supremo Tribunal Federal seja de fato um órgão máximo da magistratura do pais e que haja com imparcialidade e cumprindo com a leis e com  a constituição Federal, o que se parece não está acontecendo, pelo contrário, esse último está servindo para acirrar ainda mais os ânimos da população que tem repudiado as sucessivas decisões de “um homem só” e da inércia e aquiescência  de 10 outros togados de fachadas.

A luta continua! desistir nunca! render-se jamais!!

Para ler a matéria na íntegra acesse nosso link na pagina principal do Instagram. www: professsortaciano medrado.com  e  Ajude a aumentar a nossa comunidade.

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS