CAINDO FORA: Ex-prefeito de Niterói preso pela Lava Jato é convidado pelo ministro da Previdência, Carlos Lupi, para presidir INSS, mas recusa

Ex-prefeito de Niterói e candidato derrotado a governador do Rio, Rodrigo Neves (PDT)- Foto: Globo

Da Redação

O Ex-prefeito de Niterói e candidato derrotado a governador do Rio, Rodrigo Neves (PDT), recusou o convite do ministro da Previdência, Carlos Lupi, para assumir o comando do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). Neves, que chegou a ser preso em 2018 no âmbito da Operação Lava Jato, é investigado por corrupção em contratos assinados quando era prefeito, com suspeita de fraude em licitações e pagamentos indevidos. As informações são do Estadão.

O pedetista sugeriu que o ministro chamasse uma pessoa com perfil mais técnico. “Diante da especifidade do órgão, agradeci mas sugeri que fosse dirigido por um servidor federal de carreira, com experiência na área da previdência”, publicou no Twitter.

“Vou me dedicar a outros projetos. É fundamental a mobilização das melhores energias dos servidores do INSS para avançar na modernização e na agilização de análise e concessão de benefícios, aposentadorias e pensões”, afirmou.

Terceiro colocado na eleição para o governo do Rio de Janeiro, Neves apoiou Lula no segundo turno e participou do grupo de transição. “Há mais de 1 milhão de pedidos represados pela incompetência e insensibilidade do governo Bolsonaro e essas pessoas que deram duro por toda a vida merecem respeito no momento de se aposentar”, completou.

Investigado

Rodrigo Neves foi preso em dezembro de 2018, ainda no exercício do mandato, em uma operação do Ministério Público Estadual e da Polícia Civil, no âmbito da Operação Lava Jato, por uma delação premiada. Ele foi denunciado por desvio de mais de R$ 10 milhões da verba de transporte de Niterói. Ficou 93 dias na cadeia e foi solto por inconsistências na denúncia, segundo o Tribunal de Justiça do Rio, retornando à prefeitura.

Em outubro no ano passado, Neves virou réu na Justiça do Rio e é acusado, junto a outras oito pessoas, de fraudes em licitações e pagamentos indevidos a conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ).

Para ler a matéria na íntegra acesse nosso link na pagina principal do Instagram. www: professsortaciano medrado.com  e  Ajude a aumentar a nossa comunidade.

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS