VIDA & SAÚDE: : As drogas mais perigosas da atualidade (inclusive medicamentos)


Por Stars Insider
 

Tanto substâncias ilícitas quanto legais podem ser prejudiciais se usadas em excesso. Nos Estados Unidos, por exemplo, overdoses acidentais de drogas causaram mais mortes do que acidentes de carro. Mesmo quando geralmente consideradas seguras, todas as drogas (e isso inclui remédios) podem ser fatais quando tomadas acima do recomendado ou usadas inapropriadamente.

De medicamentos prescritos bem conhecidos a famosas drogas proibidas - e até a perigosa combinação de ambos -, as substâncias presentes nesta galeria são as mais perigosas da atualidade. Quer saber quais são? 

Anti-hipertensivos

Anti-hipertensivos são os tipos de drogas usadas para tratar hipertensão (pressão alta). No entanto, essas drogas têm sido ligadas à insuficiência renal aguda, câncer de próstata e problemas cardiovasculares.

Acetaminofeno ou Paracetamol

Esta substância está presente em marcas famosas de remédio como Tylenol e Dorfen, por exemplo. Regularmente usada para alívio da dor, esta é considerada a droga mais perigosa porque pode potencialmente causar danos hepáticos e toxicidade.

Essa substância é a principal causa de insuficiência hepática aguda nos EUA, onde pesquisas mostram que cerca de 450 mortes ocorrem a cada ano por overdoses associadas ao paracetamol. Apenas 100 destas mortes não são intencionais.

Colchicina

Usada para tratar e prevenir ataques de gota, bem como algumas outras condições inflamatórias, a colchicina é considerada uma medicação de alto risco devido à sua capacidade de causar toxicidade significativa e até mesmo a morte.

A colchicina tem uma pequena faixa entre doses terapêuticas e tóxicas, o que significa que em alguns casos pode se sobrepor e causar uma overdose.

Benzodiazepínicos

Essas pílulas antiansiedade incluem Xanax, Valium e Klonopin. Benzodiazepínicos são uma das drogas mais perigosas devido à sua alta taxa de prescrição e ao aumento do risco de depressão respiratória.

O risco de experimentar efeitos colaterais negativos é maior quando combinado com outras drogas como opióides e álcool. Se a pessoa se vicia, parar de repente pode causar convulsões e até mesmo morte.

Álcool

Da cerveja ao whisky, todas as bebidas com álcool estão incluídas aqui. Devido a extensos problemas de saúde e lesões associadas a ele, o consumo excessivo de álcool é a terceira principal causa de morte evitável nos EUA.

O uso excessivo de álcool pode causar câncer, danos no fígado, doenças cardíacas e hipertensão. O abuso de álcool também aumenta o risco de acidentes, violência e  s u i c í d i o.

O uso excessivo de álcool pode causar câncer, danos no fígado, doenças cardíacas e hipertensão. O abuso de álcool também aumenta o risco de acidentes, violência e  s u i c í d i o. Geralmente combinados com outras drogas para aumentar a intoxicação, como cocaína e álcool, os opióides semi-sintéticos podem aumentar significativamente o risco de uma overdose.

Opióides semi-sintéticos

Opióides semi-sintéticos são geralmente usados para tratar dor moderada a severa. Infelizmente, eles são altamente viciantes, com um grande risco de uso indevido. Isso pode muitas vezes resultar em hipóxia, uma condição na qual pouco oxigênio consegue chegar às células, principalmente no cérebro.

Geralmente combinados com outras drogas para aumentar a intoxicação, como cocaína e álcool, os opióides semi-sintéticos podem aumentar significativamente o risco de uma overdose.

 

Heroína

Tipicamente injetada ou cheirada, heroína é uma droga opióide ilícita feita de morfina. A dependência aparece rapidamente e a crise de abstinência começa a aparecer após cerca de seis a 12 horas.

Complicações graves de saúde incluem tecido danificado, revestimento cardíaco infectado e veias colapsadas. É comum pessoas que abusaram de opióides prescritos se tornarem usuárias de heroína.


Remédios para tosse

Medicamentos para tosse são usados para aliviar resfriados comuns, bronquite e outras doenças respiratórias. Eles fazem parte da "lista de drogas mais perigosas" devido ao alto risco de abuso, que causa múltiplos efeitos adversos.

Seu ingrediente principal, dextrometorfano (DXM), pode causar intoxicação, alucinações e dissociação. A overdose pode ocorrer quando o medicamento é tomado em excesso ou quando combinado com outras drogas. Pode resultar em sedação e depressão respiratória fatal.

Cocaína

Uma famosa droga de rua, a cocaína é conhecida por seus riscos à saúde a longo prazo, incluindo doenças cardíacas, hipertensão, convulsões, derrames e falência de órgãos.

Cerca de 20% das mortes por overdose ocorridas em 2019 nos EUA estavam ligadas à cocaína. No entanto, parar de usar de repente pode levar à depressão, por isso é melhor procurar ajuda profissional.

Bromocriptina

A bromocriptina é usada para tratar sintomas da doença de Parkinson, falta de períodos menstruais, infertilidade e hipogonadismo.

No entanto, a droga tem alguns efeitos colaterais graves que podem ocorrer quando usada de forma inadequada. Alguns deles incluem colapso circulatório letal e hipotensão sistemática. A droga também tem sido associada com sonolência e sono repentino.

Claritromicina

Também conhecida pelas marcas Biaxin e Klaricid, claritromicina é um antibiótico usado para tratar infecções bacterianas como pneumonia e bronquite. No entanto, tem sido ligada a um risco aumentado de complicações cardíacas fatais. Portanto, é preciso ter cuidado quando prescrito.

Os indivíduos têm um risco 27% maior de morte cardiovascular se tomarem claritromicina em algum momento de suas vidas. Os riscos também são aumentados quando combinados com bloqueadores de canais de cálcio.

Digoxina

Usada para tratar doenças cardíacas como insuficiência cardíaca congestiva e fibrilação atrial, a digoxina tem sido ligada a náuseas, vômitos e problemas gastrointestinais graves.

Os efeitos colaterais negativos também podem aparecer quando a medicação é misturada com quinidina, um agente antiarrítmico. A combinação pode até resultar em overdose e morte.



Anticoagulantes

Anticoagulantes incluem varfarina e heparina. Eles são usados para prevenir coágulos sanguíneos, mas podem causar problemas graves de saúde, como derrames, ataques cardíacos, trombose venosa profunda (TVP) e embolias pulmonares.

Além disso, quando misturados com aspirina e outras drogas para diluir o sangue, os anticoagulantes podem provocar hemorragias (internas ou externas) fatais.

Antidepressivos

Medicamentos antidepressivos são usados para tratar depressão grave e distúrbios de humor. Alguns nomes comuns incluem Prozac, Zoloft e Wellbutrin. Eles também são prescritos para transtorno obsessivo compulsivo (TOC), transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH) e transtornos de ansiedade.

O uso prolongado de antidepressivos pode causar efeitos adversos à saúde e sintomas desconfortáveis de abstinência. Por isso, ter um acompanhamento médico durante todo o período é importante. Deve-se notar que as pessoas que tomam antidepressivos têm um risco 33% maior de morrer prematuramente do que aquelas que não tomam os remédios. No entanto, os medicamentos são necessários para quem sofre dessas doenças.

Clozapina

Um medicamento antipsicótico usado para tratar esquizofrenia, a clozapina pode reduzir o risco de comportamento  s u i c i d a  em pacientes com esquizofrenia ou transtorno esquizofrênico. No entanto, também pode levar a efeitos cardiovasculares negativos, incluindo miocardite e cardiomiopatia.

O risco desses efeitos aumentam quando a droga é misturada com outros depressores do sistema nervoso central, como o álcool. Esse medicamento também tem sido ligado à motilidade gastrointestinal, que pode levar a constipação grave e até mesmo à morte. 

Fotos: ©Shutterstock

Para ler a matéria na íntegra acesse nosso link na pagina principal do Instagram. www: professsortaciano medrado.com  e  Ajude a aumentar a nossa comunidade.

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS