PF vai investigar mudança de domicílio eleitoral de Moro

Foto reprodução

MP-SP (Ministério Público de São Paulo) determinou que a PF (Polícia Federal) investigue se o ex-ministro da Justiça Sergio Moro (União Brasil) cometeu um crime ao transferir o domicílio eleitoral do Paraná para São Paulo sem ter residência fixa no Estado. A apuração também mira Rosângela Moro, mulher do ex-juiz. As informações são de Tiago Ângelo do do poder360.

A ordem foi dada depois de a empresária Roberta Luchsinger, filiada ao PT, entrar com um pedido de investigação. A solicitação diz que Moro e Rosângela não têm “qualquer ligação com o Estado de São Paulo”.

Em resposta, o ex-ministro e sua mulher disseram que alteraram o domicílio porque passaram a viver em um hotel de São Paulo e porque eles têm ligações com a capital paulista. Os 2 devem lançar-se candidatos a deputados federais por SP, Estado com maior número de vagas na Câmara.

Segundo o promotor Reynaldo Mapelli, é preciso aprofundar  as “investigações para melhor compreensão dos fatos”. Também afirmou que Moro e Rosângela não têm residência fixa em São Paulo e determinou que o casal preste depoimento. Eis a íntegra do documento (707 KB).

“Não se pode aceitar o fraco argumento de Sergio Moro de que tem vínculo com a cidade de São Paulo porque recebeu honrarias ou que foi contratado pela empresa Alvarez & Marsal —trata-se de empresa para a qual prestou serviços por curto período nos Estados Unidos, que tem sede em Nova York, sendo irrelevante, por óbvio, que tenha escritório na cidade de São Paulo—, ou ainda que possivelmente participou de algumas reuniões políticas no Hotel Continental”, diz o promotor.

Sobre Rosângela, Mapelli disse parecer “muito frágil” o argumento de que ela tem vínculo com SP por atuar na Casa Hunter, associação de defesa de pessoas com doenças raras.

Moro afirmou em seu perfil no Twitter não existir “nada de ilegal” na mudança de domicílio. “É um direito de todo brasileiro mudar. Sem problemas, prestarei todas as informações necessárias. Agora, é estranho esse questionamento enquanto a candidatura de um condenado em 3 instâncias seja tratada com naturalidade”, afirmou.

Em nota, o advogado Gustavo Guedes, responsável pela defesa de Sergio e Rosângela Moro, disse que o casal cumpriu “rigorosamente todas as exigências da legislação eleitoral ao solicitarem a mudança de domicílio eleitoral”.

Leia a íntegra do posicionamento de Gustavo Guedes, recebido em 16.mai.2022, às 21h45:

“Sergio e Rosangela Moro cumpriram rigorosamente todas exigências da legislação eleitoral ao solicitarem a mudança de domicílio eleitoral. Moro e sua esposa estão à disposição da Polícia Federal para prestar todos os esclarecimentos necessários, confiantes de que a lei vale para todos e deverá prevalecer.”

Para ler mais acesse, www: professortacianomedrado.com  / Siga o blog do professorTM/EJ  no Facebook, e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS