Manifesto de empresários de MG defende ‘liberdade de expressão’ e critica Judiciário


Da
   Redação

A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) divulgou uma carta, nesta terça-feira (31), defendendo a “liberdade de expressão” e com críticas ao Judiciário. Segundo a federação, os direitos individuais, “como a liberdade de expressão, pilares fundamentais de um Estado Democrático de Direito, estão sob ameaça no Brasil e precisam ser defendidos com veemência”. As informações são do Terra Brasil notícias.

Ao justificar a ameaça aos direitos individuais, o órgão de empresários de Minas Gerais destaca a atuação do Supremo Tribunal Federal (STF) no âmbito do inquérito das fake news e critica a “possibilidade de desmonetização” de sites bolsonaristas e portais de notícias que teriam veiculado notícias falsas.

“Nas últimas semanas, assistimos a uma sequência de posicionamentos do Poder Judiciário, que acabam por tangenciar, de forma perigosa, o cerceamento à liberdade de expressão no país. Falamos de investigações e da possibilidade de desmonetização de sites e portais de notícias que estão sendo acusados em inquéritos contra as fake news”, diz a carta.

 

Para ler mais acesse, www: professortacianomedrado.com

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS