ESPORTES: UFC: ANDERSON SILVA É NOCAUTEADO POR URIAH HALL EM DESPEDIDA MUITO EMOCIONADA. ASSISTA AO VÍDEO!

 


Da redação
Prof. Taciano Medrado

 

A maior lenda da história do MMA brasileiro se despediu do UFC de uma forma muito diferente do que merecia. Aos 45 anos de idade, Anderson Silva até começou muito bem, mas acabou nocauteou por Uriah Hall, justamente um daqueles que já foi chamado de 'novo Spider'.

O brasileiro chegou a ser melhor nos dois primeiros rounds em pé, enquanto o rival o respeitava bastante. No fim do terceiro assalto, porém, Hall achou o rosto do rival e conseguiu um knockdown. Anderson até foi salvo pelo gongo, mas acabou sofrendo logo no começo do quarto round e foi nocauteado no ground and pound.

Anderson e Hall ainda protagonizaram um momento bem marcante ao se cumprimentarem após a luta. O jamaicano chegou a chorar copiosamente. No meio da conversa entre os dois, pediu desculpas pelo nocaute e disse amar o Spider.

O UFC anunciou a luta contra Hall como a última de Anderson no evento, e o próprio brasileiro chegou a confirmar isso. Neste sábado, chegou a falar em "dia final", mas deixou em aberto a possibilidade de seguir lutando.

"Luta é luta. Quando você vai lá, tem 50% de chances de ganhar. Hoje, o Uriah foi melhor. Eu aproveitei o meu momento. Esse momento é muito difícil para gente. Parar. Mas hoje foi o dia final. Estou feliz por ter vindo aqui e ter dado um show para os meus fãs", disse.

"Primeiro eu vou para casa. Verei com meu time. Vamos ver! É difícil dizer se é minha última ou não. Isso é o que eu faço por toda a minha vida, eu faço com o meu coração", completou.


De qualquer forma, Anderson Silva não precisava de mais nada para dizer que sua carreira foi brilhante.

O brasileiro ainda detém recordes importantes no UFC - e muitos dizem que eles podem nunca ser quebrados. Ele tem o maior reinado como campeão: foram 2.457 dias como campeão dos pesos médios. Também tem o recorde de nocautes em lutas por cinturão (7).

No total, foram 46 lutas na carreira, com 34 vitórias, 11 derrotas e um combate sem resultado.

Mas Anderson ainda fez muito mais do que os números mostram. Maior responsável pela popularização do MMA no Brasil, ele simplesmente inspirou gerações ao redor do mundo. Israel Adesanya, por exemplo, é o atual campeão da categoria e nunca escondeu sua idolatria por Spider.

 

Veja todos os resultados do UFC: Anderson Silva x Hall:

CARD PRINCIPAL

Uriah Hall (JAM) nocauteou Anderson Silva (EUA) a 1:24 do 4º round – médios
Bryce Mitchell (EUA) venceu Andre Fili (EUA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 30-27 e 30-27) - penas
Greg Hardy (EUA) nocauteou Maurice Greene (EUA) a 1:12 do 2º round - pesados
Kevin Holland (EUA) nocauteou (lesão) Charlie Ontiveros (EUA) aos 2:39 do 1º round - médios
Thiago Moises (BRA) venceu Bobby Green (EUA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-28) – leves


CARD PRELIMINAR

Alexander Hernandez (EUA) nocauteou Chris Gruetzemacher (EUA) a 1:46 do 1º round – leves
Adrian Yanez (EUA) nocauteou Victor Rodriguez (EUA) aos 2:46 do 1º round - galos
Sean Strickland (EUA) venceu Jack Marshman (GAL) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-27) - médios
Jason Witt (EUA) finalizou Cole Williams (EUA) com um katagatame aos 2:10 do 2º round – meio-médios
Dustin Jacoby (EUA) nocauteou Justin Ledet (EUA) aos 2:38 do 1º round – meio-pesados
Miles Johns (EUA) nocauteou Kevin Natividad (EUA) a 1:47 do 3º round – galos

 


Para ler outras matérias  acesse, www: professortacianomedrado.com

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS