RUMO A VITÓRIA: Zema em Juiz de Fora: 'Os próximos 12 dias irão definir o futuro do Brasil'

Romeu Zema e Jair Bolsonaro durante comício em Juiz de Fora, na tarde desta terça-feira - (foto: Túlio Santos/EM/DA Press)

Da Redação

O governador de Minas Gerais Romeu Zema (Novo) disse que recebeu a missão de ajudar a virar votos para o presidente Jair Bolsonaro (PL) no estado. Na opinião dele, os próximos 12 dias serão decisivos para o futuro do país.

“Vocês sabem que eu sou um governador ‘chão de fábrica’. Estou sempre presente. E dessa vez eu estou aqui em uma missão muito especial, talvez a mais especial delas. Porque os próximos 12 dias irão definir o futuro do Brasil nos próximos anos” afirmou.

“Nós precisamos trabalhar nesses 12 dias, conscientizar aqueles que não votaram Bolsonaro no primeiro turno”, complementou.

Zema dividiu palanque com Bolsonaro e outros apoiadores nesta terça-feira (18/10), na Praça da Estação, em Juiz de Fora, na Zona da Mata de Minas. "O Brasil depende deste homem aqui para termos um futuro", também afirmou.

Recepção no aeroporto e críticas ao PT

Mais cedo, o governador recepcionou o presidente no Aeroporto da Serrinha e fez um alerta. “Precisamos fazer a cotação do presidente crescer aqui na Zona da Mata. Foi onde teve uma das menores proporções de voto. Temos grande caminhada, potencial de ganhar os votos.”

Zema também criticou o governo petista no estado e no país. “Temos que lembrar o desastre que foi o PT em Minas e no Brasil. Temos que resgatar a memória do mineiro. Essa tragédia teve todo o aval do candidato Lula que apoiou um ex-governador totalmente inapto ao cargo. Pagamento atrasado para o funcionalismo, prefeito não recebia os recursos”, disse, sem citar o nome do antecessor, Fernando Pimentel (PT).

“É obrigação lembrarmos essa tragédia. E o que o PT trouxe a Minas Gerais? Nada. Em quatro anos, 2,8 bi para o metrô de Minas Gerais. O PT ficou 14 anos e nada. O PT construiu refinarias no país inteiro e a nossa aqui foi reduzida.”

O chefe do Executivo estadual destacou ainda que Minas é um dos estados que mais importa combustíveis no país e reiterou a insatisfação com as gestões petistas. “Tudo de ruim aconteceu na gestão PT. PT e mineiro nunca foi uma mistura que deu certo. Minas não aceita PT, é um partido que não combina conosco”.

Com informações do Estado de Minas/Política

Para ler a matéria na íntegra acesse nosso link na pagina principal do Instagram. www: professsortaciano medrado.com  e  Ajude a aumentar a nossa comunidade.

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS