Relatório de auditoria das Forças Armadas pode complicar eleição de Lula


Por Donny Silva

O presidente Jair Bolsonaro (PL) não fez declaração à imprensa após o resultado das eleições. Bolsonaro e seu entorno mais próximo — incluindo filhos e ministros palacianos — não se manifestaram nas redes sociais.

É aguardado com grande expectativa o anúncio da auditoria feita pelas Forças Armadas. O Ministério da Defesa apresentou ao presidente Jair Bolsonaro (PL), em 11 de outubro, a conclusão da auditoria feita pelos militares nas urnas eletrônicas, que está em posse das Forças Armadas na esteira do primeiro turno das eleições em todo país, mas não divulgou os dados.

A função dos militares seria a de contabilizar os boletins de urnas (os BUs) e auditar, também, o sistema de biometria ligado ao teste de integridade do sistema eletrônico de votação. Mas o Presidente do TSE, ministro Alexandre de Moraes cedeu e liberou um número restrito de urnas para os militares auditarem.

Posteriormente o TSE tentou obrigar as Forças Armadas entregar o relatório mas o ministro da Defesa se negou a fazê-lo e avisou que só entregaria após o segundo turno, que ocorreu neste domingo (30).

O que mais chama atenção é como um candidato que não foi às ruas e não atraiu multidões conseguiu ser eleito presidente. Num palco tradicional para o PT, por exemplo, a pré-campanha de Lula não conseguiu sequer reunir público para a manifestação na Praça Charles Miller, em frente ao Pacaembu, em São Paulo. Mesmo como atrações musicais como a cantora Daniela Mercury, a praça esteve vazia, e Lula precisou adiar em algumas horas sua entrada no palco para que chegasse mais gente ao local.

Lula contou com a providencial ajuda do TSE, que fez de tudo para atrapalhar a campanha de Bolsonaro. Basta ver as decisões do TSE que favoreceram Lula e prejudicaram Bolsonaro neste segundo turno. Foi absurdo explícito!

Agora é aguardar o relatório das Forças Armadas. Enquanto isso, festa nos presídios, protesto nas ruas, e a certeza de que o crime compensa no Brasil. Notórios corruptos comemoram a ressurreição do petista.

Se o relatório for mesmo bombástico, conforme fontes ouvidas pelo blog, teremos uma reviravolta nos próximos dias.

O silêncio de Bolsonaro revela a frieza de um militar que sabe a hora de entrar na guerra para definitivamente vencê-la com a verdade, democracia e constitucionalidade.

Nesta segunda-feira (31), o Ibovespa amanheceu caindo, dólar subindo, igrejas chorando e presídios festejando, que retratam que o país não engoliu o resultado deste domingo.

É aguardar para conferir.

Fonte: Artigo publicado, originalmente no Política bombeirosdf

Para ler a matéria na íntegra acesse nosso link na pagina principal do Instagram. www: professsortaciano medrado.com  e  Ajude a aumentar a nossa comunidade.

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS