ECONOMIA: Nova redução no preço dos combustíveis APROVADO: Confira o novo valor do litro da GASOLINA

Foto divulgação

Houve uma nova redução no valor do litro da gasolina. Com a mudança, desde 2021, o preço agora registrou seu menor valor, alcançando uma queda de 2,54%. Atualmente, já é a quinta vez consecutiva que há uma diminuição no valor das bombas do país todo.

Além da gasolina, ainda houve queda no preço do diesel, do etanol e do gás, que também se encontram em um valor considerado alto, fora em outros setores correlatos. Para saber quais foram as mudanças de preço, continue nos acompanhando abaixo!

Nova redução no preço da gasolina

Segundo a Agência Nacional do Petróleo (ANP), a partir do novo reajuste de 2,54%, o valor do litro passa de R$ 5,84 para R$ 5,74. Em algun lugares do país, na época de alta nos preços, a tarifa máxima encontrada em postos chegou a R$ 7,49, o que pesou no bolso de brasileiros que já estavam enfrentando problemas com a inflação na alimentação, por exemplo.

A queda nos valores decorre da redução do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), além dos reajustes de refinaria pela Petrobrás. Em dez dias, foram duas quedas nesse setor, que somaram um recuo total de 3,88%. A mudança passa a valer a partir de hoje (02/08).

Diesel, etanol e gás também passam por redução

Assim como a gasolina, o diesel também está na quinta semana de recuo nos valores, mesmo que timidamente: a queda, agora, fez com que o valor passasse de R$ 7,44 para R$ 7,42. De acordo com o Diretor de Comercialização e Logística da Petrobrás, Claudio Mastella, a companhia vê o fortalecimento do diesel com cautela, preferindo, primeiramente, criar um cenário de manutenção dos valores.

Ademais, o gás natural, que vêm tomando espaço devido à alta nos preços da gasolina, também apresentou queda: de R$ 5,08 foi para R$ 5,07, bem como o gás de cozinha, que passou de R$ 111,80, em média, para R$ 111,75. Mudanças pouco efetivas por enquanto, mas positivas.

Por fim, o etanol também apresentou uma queda (maior ainda que a da gasolina, aliás): a redução foi de 2,5%, fazendo com que o produto fosse de R$ 4,22 para R$ 4,21. Além de todos os combustíveis citados, a queda do ICMS também afetou outras áreas, como a de telecomunicações, a de energia elétrica e a de transporte público.

Com informações do site do Pronatec

Para ler mais acesse, www: professortacianomedrado.com  / Siga o blog do professorTM/EJ  no Facebook, e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS