26 DE ABRIL DE 2022: HOMENAGEM PÓSTUMA A ERRY JUSTO ( 01 ANO SEM A SUA VOZ). VEJA VÍDEO!

Grandes amigos - foto cedido gentilmente por Adalberto Cadide
Radialista Erry Justo  (In memoria)

Ola caríssimo(a)s Leitore(a)s

Nessa data de 26 de abril de 2022, completa 01 ano da morte do jornalista e radialista Augusto Justo, mais conhecido por Erry Justo que foi ceivado de forma repentina e inesperada do nosso convívio aqui na terra.

Decerto nesses 365 dias passados muita coisa aconteceu e o meu amigo/compadre gostaria de ter vivido. Mas com certeza onde ele estiver deve estar acompanhando atentamente. A sua ausência é uma constante nas nossas vidas , minha , de sua esposa Sandrinha e de seu pequeno filhinho Enzo Salvador a quem você tanto amava e que sequer teve a chance de se despedir. Nos parece, aparentemente, que essa famigerada pandemia está se acabando e nos deixando um rastro de mortes pelo mundo afora . Toda vez que vejo as estatística sobre a Covid-19 vejo entre esses números- você como uma das vítimas, um número que eu daria tudo para subtrair dessa conta louca e insana.

Nesse um ano de sua morte ,s eu filhinho Enzo cresceu, completou mais um aninho e vida (05 anos) e foi um dia alegre e triste ao mesmo tempo, afinal você jã não está mais nas fotografias e filmagem feitas, mas eu tenho tentando dá a assistência ao meu afilhado Enzo, nunca me afastei dele. Ah! uma novidade pra você! Coloquei ele no judô junto com Gugu, e sempre que posso pego ele na escolinha no final da tarde.

Agradeço a Deus todos os dias por te-lo colocado na nossa vidas vidas. Voce viveu e viverás sempre nos nosso corações . como diz o poeta e compositor Milton Nascimento :"Qualquer dia, amigo, a gente vai se encontrar"

ERRY JUSTO! Saudades! Saudades! Saudades eternas!

Amigo é coisa para se guardar
Debaixo de sete chaves
Dentro do coração
Assim falava a canção que na América ouvi
Mas quem cantava chorou
Ao ver o seu amigo partir

Mas quem ficou, no pensamento voou
Com seu canto que o outro lembrou
E quem voou, no pensamento ficou
Com a lembrança que o outro cantou

Amigo é coisa para se guardar
No lado esquerdo do peito
Mesmo que o tempo e a distância digam: Não
Mesmo esquecendo a canção
O que importa é ouvir
A voz que vem do coração

Pois seja o que vier, venha o que vier
Qualquer dia, amigo, eu volto
A te encontrar
Qualquer dia, amigo, a gente vai se encontrar

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS