MAIS TEMPO: Ministro Alexandre de Moraes prorroga inquérito sobre suposta interferência de Bolsonaro na PF

Fotomontagem: Alexandre de Moraes e Jair Bolsonaro
Da redação

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), prorrogou, por mais 90 dias, inquérito que investiga a suposta tentativa de interferência política do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal (PF). O Inquérito 4831 apura declarações do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro (Podemos), sobre a postura de Bolsonaro.

O Supremo informou que a prorrogação começa a partir do próximo dia 27 de janeiro, quando encerra o prazo final anterior. Para Moraes, a medida se deve à necessidade de prosseguimento das investigações e à existência de diligências em andamento.

O presidente prestou, em novembro do ano passado, depoimento à Polícia Federal no âmbito do inquérito. Na oitiva, disse que não interferiu na corporação e que trocou o então diretor-geral da PF, Maurício Valeixo, por “falta de interlocução”. As informações são do portal Jota.

 

Para ler mais acesse, www: professortacianomedrado.com

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS