CORONAVIRUS: Pernambuco proíbe festas a partir desta terça-feira (8), incluindo as de Natal e de Réveillon

 


Segundo a Folha de Pernambuco, em coletiva nesta segunda-feira (7), o Governo do Estado de Pernambuco anunciou a proibição de festas e eventos, com exceção de eventos sociais, em todo o Estado. Com a decisão, festas de Natal e Révellion foram proibidos em Pernambuco. 

O decreto com a proibição dos eventos será divulgado no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (8), quando já entra em vigor. 

O novo decreto é válido para todo o território de Pernambuco e proíbe shows, festas e similares, com ou sem cobrança de ingressos, independente do número de participantes. Ficam excluídos das proibições os eventos sociais, como casamentos e formaturas, desde que cumpram os protocolos de higiene e segurança.

André Longo, secretário de Saúde de Pernambuco, anunciou que o Estado registrou a terceira semana seguida com aumento de casos da Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag), que caracteriza suspeita da Covid-19.

"Saímos, então, de um quadro de oscilações para uma tendência clara de aumento de casos", explicou Longo.  

O comitê de enfrentamento decidiu por essas medidas de retroceder no Plano de Convivência com o Coronavírus para evitar o aumento de casos e mortes pela Covid-19

De acordo com o secretário de Saúde, foram constatados descumprimentos de protocolos em alguns bares, restaurantes e clubes que promoveram festas e shows.

“Intensificamos a fiscalização no último fim de semana e constatamos o descumprimento dos protocolos em alguns bares, restaurantes e clubes que promoveram festas e shows. A fiscalização, a partir de hoje, será ainda mais intensa para coibir as situações de descumprimento dos protocolos e também para conscientizar a população”, informou. 

Longo também informou que festividades costumeiras de fim de ano também ficarão proibidas. "Com base no atual momento epidemiológico estamos proibindo a realização de shows e festas de Natal e Réveillon, incluindo os realizados em espaços públicos, condomínios, clubes, hotéis e estabelecimentos afins, com ou sem cobrança de ingresso", salientou.  

O secretário de Saúde informou que os próximos dias são cruciais para reduzir o contágio. "A unica forma de garantir que, em breve, a gente possa estar junto de novo é se protegendo e praticando o distanciamento social, usando a máscara corretamente e lavando as mãos com frequência. Ninguém quer passar por momentos de maior dificuldade ou pior outra vez" , informou Longo.

Também presente ao pronunciamento, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach, afirmou que houve muita preocupação sobre o cumprimento dos protocolos quando as atividades foram liberadas.

"Estamos tomando essas medidas por precaução, e eu volto a reforçar aqui que, se a gente conseguir cumprir os protocolos, a gente consegue ter o nosso Plano de Convivência, dar a oportunidade das pessoas trabalharem, saírem de casa, produzirem. 

O que não pode é descumprir os protocolos", reforçou Schwambach

Para ler outras matérias  acesse, www: professortacianomedrado.com

 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS