LIBERTADORES DAS AMÉRICAS 2020: ATLETICO-PR SAI NA FRENTE , TEM UM JOGADOR EXPULSO E CEDE O EMPATE PARA O RIVER PLATER NOS ACRÉSCIMOS

 

Da: Redação
Prof.Taciano Medrado

O Athletico-PR sofreu gol nos acréscimos, empatou em 1 a 1 com o River Plate na noite desta terça-feira (24) e decide em confronto aberto na Argentina a vaga nas quartas de final da Copa Libertadores.

Bissoli abriu o placar para o Athletico aos 12 minutos do segundo tempo, mas Paulo Díaz deixou tudo igual aos 45 minutos da etapa final.

O duelo foi realizado na Arena da Baixada, em Curitiba, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

Com o resultado, o Athletico-PR pode empatar por mais de gols ou vencer por qualquer placar para se classificar às quartas de final em Avellaneda na próxima terça-feira (1)

O Athletico-PR volta a campo neste sábado (28), quando viaja para São Paulo enfrentar o Palmeiras, às 17h, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A primeira chance da partida foi do Athletico-PR. Logo aos três minutos, Renato Kayzer ajeitou para Richard na pequena área, mas o volante bateu por cima da meta.

Aos 20 minutos, Léo Cittadini protagonizou um lance assustador na Arena da Baixada. O volante disputou bola pelo alto em cobrança de escanteio e chocou com o ombro do adversário, perdendo parte de um dos dentes.

A primeira chegada do River Plate saiu apenas aos 24 minutos. Ignácio Fernández recebeu na área, deixou a bola quicar e acabou perdendo o tempo do chute, furando a bola.

O River Plate criou a primeira oportunidade da segunda etapa. Borré fez boa jogada pela direita e cruzou rasteiro, mas Matías Suárez chegou atrasado e não conseguiu finalizar.

Só que foi o Athletico-PR quem abriu o placar aos 12 minutos. Erick encontrou Bissoli na entrada da área e o centroavante fez o giro, batendo no canto esquerdo de Armani

Thiago Heleno salvou o Athletico-PR aos 17 minutos. Matías Suárez ficou livre na entrada da área e o zagueiro fez o corte de carrinho no momento da finalização.

O Athletico-PR ficou com dez jogadores em campo aos 21 minutos. Reinaldo já tinha cartão amarelo e recebeu a segunda advertência por atingir Enzo Pérez com o pé muito levantado.

Novamente Thiago Heleno salvou o Athletico-PR. Aos 32 minutos, Matías Suárez bateu firme da entrada da área e o zagueiro se jogou na bola para desviar a finalização.

Matías Suárez carimbou o poste direito do Athletico-PR. Aos 39 minutos, o centroavante recebeu cruzamento da direita e escorou firme na trave.

A pressão do River Plate valeu o gol de empate aos 45 minutos. Em cobrança de escanteio da direita, Paulo Diáz ganhou pelo alto e cabeceou firme para o fundo das redes.

O Athletico-PR ainda tentou na pressão levar a vitória aos 49 minutos. Após três finalizações bloqueadas, a bola saiu pela linha de fundo e o River Plate garantiu o empate no jogo da Libertadores.

 

 

Para ler outras matérias  acesse, www: professortacianomedrado.com

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS