EDITORIAL: MAIS UM REVÉS DA ESQUERDA RECALCADA



Foto reprodução internet

Da:  Redação
Prof. Taciano Medrado


Prezado(a)s Leitore(a)s,

Parece que a saga dos esquerdistas recalcados não termina nunca. Quem passou décadas reclamando a todos os pulmões contra perseguição político-ideológica ficou só na teoria, aliás essa sempre adotaram essa  postura dos militantes de esquerda no Brasil e o seu lema : "faça o que eu digo , mas não faça o que eu faço".

A doutrinação é tamanha que a turma do "quanto pior, melhor" pensa que  ainda "manda" no pais como fizeram nas época de Lula e Dilma. A ficha ainda não caiu ! a ousadia é grande ! achar que uma ação ridícula e descabida de valor jurídico de tentarem impedir que o ex-ministro da Educação Abraham Weintraub assumisse o cargo de diretor em um banco mundial, poderia lograr êxito, só na cabeça de militantes de esquerda mesmo. Pobre coitados não conseguiram sair de dentro da "Caverna de Platão". ´

Dessa vez a  esquerda, representado pelo PSOL,  sofreu mais um revés, o eminente  juiz Itagiba Catta Preta Neto, da 4ª Vara Federal Cível do Distrito Federal, arquivou um pedido para barrar a indicação do ex-ministro da Educação Abraham Weintraub ao cargo de diretor do Banco Mundial.

Catta Preta fez sérias críticas ao processo, movido pelo deputado Ivan Valente e pelo advogado Marivaldo Pereira, ambos do PSOL. “Patrulhamento ideológico não é papel do Poder Judiciário”, escreveu o juiz na sua decisão.



Para ler outras matérias  acesse, www: professortacianomedrado.com

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ENQUETE

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS