EDITORIAL; O IMINENTE "APOSENTADO" DO STF O MINISTRO CELSO DE MELO ACUSA OS BOLSONARISTAS DE QUEREREM INSTAURAR A DITADURA MILITAR., MAS SE CALOU QUANDO LULA QUIS INSTAURAR O COMUNISMO SOCIALISTA NO BRASIL


Foto reprodução internet

Da Redação
Prof. Taciano Medrado

Olá caríssimo(a)s leitore(a)s,

O iminente "aposentado" do STF ministro Celso de Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal), finalmente "parece" assumir sua postura de militante contra o presidente Jair Bolsonaro, rasga a sua toga e "parece" vestir de vez a camiseta vermelha,  afinal não dá pra segurar muito tempo um certo "faz de conta".  

Não obstante as tentativas fracassadas de incriminar o presidente da republica federativa do Brasil, agora ele "parece" atacar de "militante" com discurso de  esquerda reacionária. Dessa vez, segundo a jornalista Mônica Bérgamo (FolhaPress), Celso de Melo, enviou mensagem a ministros da corte alertando que a "intervenção militar, como pretendida por bolsonaristas e outras lideranças autocráticas que desprezam a liberdade e odeiam a democracia", nada mais é "senão a instauração, no Brasil, de uma desprezível e abjeta ditadura militar!!!!".

O futuro "aposentado", que é o decano da corte, chega ao cúmulo de comparar o momento vivido pelo Brasil com o da Alemanha sob o domínio Adolf Hitler. 

O mais interessante é que a população brasileira nunca viu o ministro Celso de Melo fazer qualquer alerta  pública contra os desmando e as roubalheiras do PT e nem que Lula junto com o Fórum de São Paulo queriam transformar o Brasil numa ditadura comunista-socialista.Por que? 

Ainda de acordo com o folhaPress, o ministro escreveu:  

"Guardadas as devidas proporções, o 'ovo da serpente', à semelhança do que ocorreu na República de Weimar (1919-1933) parece estar prestes a eclodir no Brasil", diz ele. "É preciso resistir à destruição da ordem democrática, para evitar o que ocorreu na República de Weimar quando Hitler, após eleito pelo voto popular e posteriormente nomeado pelo presidente Paul von Hindenburg como chanceler da Alemanha, não hesitou em romper e em nulificar a progressista, democrática e inovadora Constituição de Weimar, impondo ao país um sistema totalitário de Poder", diz Celso de Mello.

O ministro relata o inquérito que investiga as acusações de Sergio Moro contra Bolsonaro sobre tentativas do presidente de interferir politicamente na Polícia Federal.

Leia, abaixo, a cópia da mensagem:

"GUARDADAS as devidas proporções, O “OVO DA SERPENTE”, à semelhança do que ocorreu na República de Weimar (1919-1933) , PARECE estar prestes a eclodir NO BRASIL ! É PRECISO RESISTIR À DESTRUIÇÃO DA ORDEM DEMOCRÁTICA, PARA EVITAR O QUE OCORREU NA REPÚBLICA DE WEIMAR QUANDO HITLER, após eleito por voto popular e posteriormente nomeado pelo Presidente Paul von Hindenburg , em 30/01/1933 , COMO CHANCELER (Primeiro Ministro) DA ALEMANHA (“REICHSKANZLER”), NÃO HESITOU EM ROMPER E EM NULIFICAR A PROGRESSISTA , DEMOCRÁTICA E INOVADORA CONSTITUIÇÃO DE WEIMAR, de 11/08/1919 , impondo ao País um sistema totalitário de poder viabilizado pela edição , em março de 1933 , da LEI (nazista) DE CONCESSÃO DE PLENOS PODERES (ou LEI HABILITANTE) que lhe permitiu legislar SEM a intervenção do Parlamento germânico!!!! “INTERVENÇÃO MILITAR”, como pretendida por bolsonaristas e outras lideranças autocráticas que desprezam a liberdade e odeiam a democracia, NADA MAIS SIGNIFICA, na NOVILÍNGUA bolsonarista, SENÃO A INSTAURAÇÃO , no Brasil, DE UMA DESPREZÍVEL E ABJETA DITADURA MILITAR !!!!"

Que os deuses do tempo façam os ponteiros do relógio andaram o mais rápido possível e que o iminente "aposentado", ministro possa se recolher e gozar de seu merecido descanso apos décadas á frente do STF, mas longe dele,  a partir de novembro para o bem do pais. !!!!

Para ler outras matérias  acesse, www: professortacianomedrado.com

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS