EDITORIAL: Procrastinação e preguiça – Um casamento perfeito ou um fenômeno que precisa ser investigado?

Foto ilustração perftracker

Por: Taciano Gustavo Medrado Sobrinho
Professor, Psicopedagogo, Engenheiro Agrônomo, Administrador de Empresas e Matemático

Olá nobres leitores(a)s,

Esse artigo que escrevo, versa sobre um tema que sempre me intrigou e me intriga até hoje – A PROCRASTINAÇÃO. Essa palavra pode soar ou parecer estranha para muita gente, mas está presente na quase totalidade das pessoas e elas não percebem ou não querem perceber. 

Se você é daquelas pessoas que deixa o que fazer no momento para fez depois, você pode está sofrendo do fenômeno da procrastinação e talvez necessita de ajuda de um profissional.

Recentemente insistir com um dos meus filhos para que fosse tomar a segunda dose da vacina contra a Covid-19, já que o prazo da primeira dose estava expirando e houve antecipação da dose de reforço para quem tomou a Pfizer. Mas mesmo diante da minha insistência e preocupação como pai ele sempre arranjava desculpas para não ir cumprir com o protocolo de prevenção, no caso a vacinação. Havia nitidamente o fenômeno da procrastinação atuando sobre ele. Por fim agendou para o próximo dia 10 de novembro , espero que não procrastine de novo. Mas como pai vou ficar no pé e vigilante.

Quantas vezes usamos pratos e talheres para fazermos as nossas refeições e implementes após  o uso os deixamos acumular na pia de lavar louças, quando deveríamos lava-los imediatamente. Ora, se não fizermos agora teremos que fazer depois, afinal ninguém vai fazer o serviço por nós - evidentemente de que estou me referindo a ambiente em que não há  uma colaboradora pra fazer,  como por exemplo uma profissional de serviços gerais na casa. 

Primeiro vamos entender o que significa essa palavra do nosso português, difícil de pronunciar. Se você fizer uma ligeira pesquisa no Google terá como resultado o seguinte: ” Procrastinação- Substantivo feminino que significa  ato ou efeito de procrastina, adiamento, demora , delonga”. 

A palavra procrastinar é originada do latim procrastinatus. Pro quer dizer “à frente”. Crastinatus, por sua vez, significa “de amanhã”.

A etimologia é mais uma curiosidade, já que é difícil compreender o significado do termo apenas pela tradução.

No  linguajar popular, procrastinar, significa nada mais, nada menos do que "empurrar com a barriga". Deixar pra fazer depois o que voce poderia fazer agora. Portanto, vocês já perceberam qual será o objetivo desse meu artigo, primeiro provocar e depois tentar  mostrar como se lidar  com esse problema.  

Dizem por aí que procrastinação é “coisa de gente preguiçosa”. Eu penso que para algumas pessoas pode até ser mesmo, mas na maioria dos casos  a conduta pode ter causas psicológicas e fisiológicas. 

Segundo especialistas da área, a procrastinação, pode estar ligada a distúrbios mentais, como ansiedade e problemas de autoestima. Há quem deixe de realizar uma tarefa por medo de reprovação.  Assim, ela acaba ficando sempre para depois.

Quanto aos aspectos fisiológicos, outra  causa da procrastinação está relacionada ao cérebro, mais precisamente ao córtex pré-frontal.

Se há algo incomum com essa área, como uma lesão, por exemplo, o indivíduo pode sofrer mais com as distrações externas.

Isso ocorre porque o córtex pré-frontal é responsável, entre outras coisas, pelo controle dos impulsos e determinação do foco.

A procrastinação pode provocar tem vários efeitos sobre a vida pessoal. Um deles por exemplo é que as relações com os amigos e familiares pode ficar comprometida, uma vez que é comum o procrastinador não encontrar tempo ou não conseguir organizar a agenda para se fazer presente.

No ambiente profissional, os malefícios também são significativos.

Além de ficar mal visto pelos empregadores ou clientes por não cumprir os prazos combinados, o procrastinador afeta também a produtividade da equipe.

Como parar de procrastinar?

Você se identificou com um dos tipos de procrastinadoresBem, então já passou da hora de mudar isso, não acha? Saiba como:

Dê o primeiro (micro) passo para parar de procrastinar

A dica aqui é estabelecer uma pequena meta, que seja simples de ser cumprida.

A sensação de conseguir realizá-la vai te fazer muito bem, e com isso, você terá o gás que precisa para continuar enfrentando a procrastinação.

Gerencie suas emoções, não apenas seu tempo

A procrastinação não é apenas falta de tempo, mas sim, a sua dificuldade em administrar as emoções.

Quando você deixa de realizar uma tarefa porque não está se sentindo inspirado e animado, por exemplo, você está apenas contornando o problema, e não resolvendo ele.

Portanto, reflita sobre os motivos por trás do adiamento e encare os sentimentos de frente. 

Nomeie o problema: é mesmo procrastinação?

Não é qualquer atraso que se encaixa em procrastinação.

Muitas vezes, uma tarefa não é realizada porque, simplesmente, não houve tempo devido à outra prioridade que surgiu emergencialmente, por exemplo.

Por isso, antes de se autointitular procrastinador, tenha a certeza de que as suas atitudes representam, de fato, esse comportamento.

Visualize o seu futuro “eu”

Quem procrastina, em alguns casos, apoia a própria decisão de deixar uma tarefa para outro dia com a ideia de que, depois, será melhor e, portanto, mais fácil de resolver e executar a atividade.

No entanto, isso não acontece. Até mesmo porque é difícil ter uma mudança brusca em tão pouco tempo.

Por isso, vale sempre refletir sobre como será o seu “eu” no futuro. 

Isso ajudará você a ser compreensível consigo mesmo e evitar a autocobrança exagerada.

Faça planos que incluam os imprevistos

Até mesmo as pessoas mais controladoras sofrem com os imprevistos.

Precisamos aceitar que não há como fugir deles.

O jeito de lidar com isso é fazer planos que considerem as situações repentinas.

Sempre deixe um espaço na agenda para resolver os problemas que aparecem no meio do caminho.

E por fim aqui vai algumas  dicas de como  parar de procrastinar

Identifique um padrão

Identificar um padrão é refletir sobre em que momentos a procrastinação acontece e por qual razão.

Pode ser que você procrastine apenas em uma atividade porque tem dificuldade de realizá-la ou, então, sente que a entrega não tem a qualidade desejada.

Assim, é mais fácil focar no problema e resolvê-lo sem ter que mudar outros comportamentos.

Faça uma coisa de cada vez

Temos o hábito de assumir várias tarefas ao mesmo tempo, mas nem sempre isso é saudável, principalmente para quem costuma procrastinar.

Portanto, evite abraçar um monte de atividades em um mesmo período.

Organize-se e faça uma coisa por vez.

Divida a tarefa em vários passos

Algumas tarefas são bem simples e rápidas. Já outras exigem mais tempo e dedicação.

Nesses casos, procure dividi-las em pequenas tarefas ou passos. 

Assim, você vai cumprindo aos poucos e, quando perceber, já realizou a atividade por completo.

Controle antes que se torne um hábito

Se você já notou que é um procrastinador ou que tem começado a procrastinar, é melhor agir agora.

Quanto antes você decidir mudar este comportamento, mais rápida será a resolução.

Primeiro, para evitar que o acúmulo de tarefas se torne uma bola de neve e seja difícil de solucionar.

E, também, porque as emoções negativas decorrentes da procrastinação podem atrapalhar a sua batalha contra o problema.

Bloqueie estímulos externos

Às vezes nem nos damos conta de como a televisão ligada ou aquela espiadinha nas redes sociais para relaxar um pouco interferem na nossa produtividade.

O ideal é eliminar todos esses estímulos durante o período dedicado para a execução de uma atividade.

Você pode, também, estabelecer uma dessas distrações como recompensa.

Por exemplo: ao terminar o relatório, você tem direito a 15 minutos navegando nas redes sociais.

Isso pode, inclusive, ajudar a estimular a motivação.

Espero que esse artigo possa te ajudar a identificar se você é um procrastinador ou não . 

Até breve!!


Fonte: https://ead.pucpr.br/blog/procrastinar

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS