OPINIÃO: Carta aberta de Lailson Silva para o pior prefeito da história de Juazeiro, Paulo Bomfim

foto montagem Lailson Silva - blog Vale em foco 


Por: Lailson Silva/Blog Vale em Foco

Segundo o artigo XIX da Declaração Universal dos Direitos Humanos:

"Todo ser humano tem direito à liberdade de opinião e expressão; este direito inclui a liberdade de, sem interferência, ter opiniões e de procurar, receber e transmitir informações e ideias por quaisquer meios e independentemente de fronteiras".

Nesse ano de 2020, um fato inusitado aconteceu em minha vida. Após mais de 15 milhões de visualizações em menos de 10 mil postagens no blog, o então consagrado como “O Pior Prefeito da História de Juazeiro” resolveu me processar, Lailson Silva, juazeirense, casado, pai de duas filhas lindas, negro, pobre, onde através do blog Vale em Foco defendia os interesses populares e questionava ao então derrotado prefeito, Paulo Bomfim, o porquê da demora em iniciar o protocolo de medicamentos em combate ao covid-19. Algum tempo após esse questionamento, o protocolo foi iniciado na cidade através de kits com ivermectina, vitaminas, etc. Mas vamos deixar esse processo de lado, ainda está correndo na justiça e assim como venci a primeira liminar, devo terminar todo esse desgastante trâmite vitorioso.

O pior prefeito da história de juazeiro nos anos finais de sua gestão, passou a debochar da cara do cidadão juazeirense, mas como ele não é filho da terra, esqueceu-se que aqui em minha cidade existem pessoas de bem, guerreiras que estavam dispostas a ir para a linha de frente e lutar contra o comunismo de forma franca, olhar na cara dele e dizer que ele não era mais bem vindo nessa terra. Veja que eu disse que não era mais bem vindo, pois um dia foi como diz no trecho do hino que o povo da cidade é hospitaleiro. Começamos a acompanhar o dia a dia da “ingestão” municipal e conseguimos identificar diversas falhas, puxadinhos, benefícios à amigos do rei. Como em um canal aberto, as denúncias começaram a surgir, e através desse blog, conseguimos chegar aos quatro cantos de nossa terra. Estou sendo muito injusto quando falo através desse blog, posso sim citar os blogs parceiros, todos aqueles que utilizaram horas de sua vida para ajudar Juazeiro a voltar a ser feliz, como o blog do Professor Taciano Medrado e o Blog Opará, regido por homens íntegros dessa cidade que por ora não eram levados a sério. Os meios costumeiros utilizados para difundir notícias da ascom da prefeitura já não davam mais conta do recado, conseguimos passar por cima deles de forma esmagadora, como um verdadeiro rolo compressor, refletindo assim na votação que Suzana Ramos obteve nas urnas.

Momentos entre 2019/2020 o blog conseguiu picos de audiência mensais maiores de que qualquer blog famosinho da cidade que ficaram marcados como a mídia chapa-branca. Muitos me perguntam porque o blog não se torna maior em termos de estrutura, redatores, um ponto fixo, uma web tv, apenas respondo que tudo é dá vontade de Deus, não posso colocar o chapéu onde meu braço não alcança. Voltando para o balanço da ingestão do Paulo Bufinha como ficou conhecido em todo Vale do São Francisco, erros atrás de erros, lambanças e mais lambanças ficaram marcados e lá estávamos nós para noticiar, mostrar para todos o quão é ruim ter um pseudo gestor, apaixonado por um condenado, ex-presidiário, onde em todas as inaugurações vestia uma camisa com a cara do infame e dava aquele sorriso de deboche com os dizeres “Lula livre e vamos trabalhar” sendo que esse programa fictício, Toda Sexta Tem Obra, foi por água abaixo, depois que um jovem prefeito da cidade vizinha mostrou que só de ruas calçou mais de 600, imagina quantos anos o “Bufinha” levaria no poder apenas pra inaugurar tudo isso.

Falando em Lula livre, Paulo Bomfim conseguiu a façanha de se recusar a receber o Chefe de Estado por duas apenas por ideologia política, trocou de partido, era do PCdoB passou a ser uma persona non grata no PT, apostou no governo estadual e acabo sendo reduzido a cinzas. O recado foi dado, para Paulo Bomfim e qualquer outra pessoa que tenha como intenção diminuir minha Juazeiro. Eu classifico esse rapaz como um câncer que se instalou aqui deixando essa linda terra literalmente respirando por aparelhos

Juazeiro foi alvo de piadas, chacotas de humoristas vindos de outras regiões. Ficamos conhecidos como terra da muriçoca após uma artista de nível nacional após fazer uma inauguração de uma açaiteria ir nas redes sociais falar que quase as muriçocas chupam todo o sangue dela, ganhamos uma estátua de uma muriçoca gigante que foi colocada em frente a rodoviária da cidade, essa polemizou, a prefeitura de forma arbitrária e ditatorial, confiscou a obra de arte e ateou fogo, isso mesmo que eu escrevi, ateou fogo causando revolta na população, a sequência disso todos nós já sabemos

Em um segundo momento em que fomos piada nacionalmente, foi quando o infame prefeito inventou de inaugurar uma ciclovia com três postes no meio, ainda mentiu após atribuir a culpa na empresa de energia, ganhando o apelido de Paulo Pinóquio

Foi achincalhado nas ruas da cidade, em uma live onde foi chamado de “safado”, na mais recente Dona Maria deixou o mesmo no vácuo. Não adiantou apresentar projetos, Orla II (nunca termina, iluminação precária durante toda extensão, benefícios aos amigos do rei), Parque da Cidade (obra que está durando muito mais que o previsto, invasão de terrenos, multas), Estação do Saber (sem finalidade do objeto, em uma via onde tem grande fluxo de veículos), duplicação da BR que nunca saíram do papel, tijolinhos em calçadas da Adolfo Vianna. Com essas poucas obras que foram citadas, se realmente tivesse seriedade, nossa juazeiro sairia da estagnação e assim tentar seguir a irmã ilustre

Pelo visto esse texto ficou muito grande. Me empolguei. Sei que se for falar tudo aquilo que aconteceu nesses 12 anos em que minha cidade foi refém do comunismo, digitaria mais mil palavras, pois estou feliz em saber que temos uma esperança de que Juazeiro, voltará a ser grande, como na frase que Carlos Neiva sempre fala “Juazeiro tem tudo para ser grande, ela está apequenada”. Depois de escutar dezenas, centenas de vezes, eu acordei do sono profundo e decidi que minha cidade não poderia ficar para trás

Vou me despedindo desse não tão longo texto, mas com uma imensa vontade de virar essa madrugada do dia 28/12/2020 escrevendo muito mais sobre a indigestão que minha amada terra sofreu nas mãos de uma turma que só sede de poder. Não posso mandar ele pra onde meus dedos estão coçando pra que eu digite, mas vá Marcus Paulo Alcântara Bomfim, vá e não retorne mais a essa terra que você tanto castigou

"Pensamento crítico é parte integrante da informação plena e fidedigna. O possível conteúdo socialmente útil da obra compensa eventuais excessos de estilo e da própria verve do autor. O exercício concreto da liberdade de imprensa assegura ao jornalista o direito de expender críticas a qualquer pessoa, ainda que em tom áspero ou contundente, especialmente contra as autoridades e os agentes do Estado. A crítica jornalística, pela sua relação de inerência com o interesse público, não é aprioristicamente suscetível de censura, mesmo que legislativa ou judicialmente intentada. (ADPF 130. Rel. Min. Ayres Britto, DJe 06/11/09)"

 

Para ler outras matérias  acesse, www: professortacianomedrado.com

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.


Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS