ESPAÇO DO LEITOR: Professores do grupo Vida Boa (aposentados e pensionistas) vem a público manifestar a sua indignação contra a secretária de educação de Juazeiro da Bahia, IPJ ,APLB e CÂMARA DE VEREADORES de juazeiro

 


Por: Iraneide Lopes
Professora Aposentada do Município de Juazeiro

A Secretária de Educação do Município de Juazeiro anuncia em uma LIVE que o governo federal confiscou 11 milhões de recursos destinados ao município, solicitamos provas que comprove tal fato.

Em conversa com a mesma no final de novembro para ver qual a possibilidade de nos pagar nossas licenças prêmios em pecúnia, solicitou um ofício para ela, um outro para o jurídico e um para o diretor do IPJ, e que cada um fizesse um requerimento para deixar na SEDUC, bem assim fizemos.

Sempre entrando em contato com a secretária e a conversa promissora. No dia em que sentamos para tal, ela nos garantiu que tinha juntado nos quatro anos um montante de 12 milhões é estava no aguardo de 3 milhões do governo do estado, onde ficaria um valor de 15 milhões. tinha a receber a receita do dia 10, 20 e trinta. pagaria aos professores da ativa, décimo, salário, 2 licenças e dos contratados pagaria décimo, salário e rescisão do contrato e finalizando nos pagaria tudo mentira como é que diante da pandemia o governo federal tiraria 11 milhões. cabe a polícia federal fazer essa investigação porque dinheiro vai sobrar, cabe a secretária que vai assumir a pasta investigue.

Esperamos que haja uma investigação para tudo vim à tona pois estamos cansados de ser passado para trás. quando dei a entrevista no preto no branco ela mentiu quando disse que estava pagando licenças e FGTS nada aconteceu. Perderam a eleição é deixaram de honrar os compromissos, em uma inauguração o prefeito garantiu que iria pagar tudo o que estava devendo, veja num instante as coisas mudam de situação, deixando até mesmo os professores da ativa e os contatados a ver  navio.

Já o IPJ no início da pandemia precisamente em maio e junho resolveu pagar o décimo sem nos consultar, fazendo todos os descontos ficando o mínimo possível,  para tapiar o erro na aprovação dos 14% em que levou os servidores a realização de diversos movimentos na cidade. pensam que servidor massacrado ñ se vinga, veio o resultado nas urnas tanto para o prefeito como para vereadores.

Convocamos uma reunião com o então diretor do ipj, onde já todo armado de documentos pensando que enrola professor, argumentando que ele conseguiu através de aplicações um montante de 200 milhões, eu conseguir como se os méritos fosse dele, merece investigação pela polícia federal.

Esperamos que quem vai assumir o órgão veja se esse valor se encontra na conta.

Fomos lá na humildade para nos pagar o décimo quarto, veio com uma documentação cheia de leis, dizendo que ñ podia, mas quando emprestou horrores ao município o prefeito baixou o decreto e os vereadores fizeram o projeto de lei isentando o prefeito de efetuar o pagamento. quer dizer que isso pode.

Mais outra decepção a APLB sindicato cobrando aumento absurdo dos servidores na UNIMED e mais cada servidor pagando mais 5% para pagar por servidores inadimplentes, isso é um absurdo, polícia federal, precisamos de vocês mais uma intervenção de vocês, juazeiro está entregue as baratas. tem muita maracutaia para desvendar.

GRIFO  NOSSO!

A Redação do blog do professorTM deixa o espaço democraticamente  aberto para que os representantes dos órgão citados no texto possam exercer o seu direito de resposta conforme preceitua a nossa constituição Federal . 

Para ler outras matérias acesse, www: professortacianomedrado.com

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Comentário(s)
2 Comentário(s)

2 comentários:

  1. Tudo verdade o que consta na matéria, tendo como autora nossa companheira Neide e prof. Taciano na redação. Eu , Leila Cristina Barboza Gomes Viana estava presente em todas as negociações. Fomos humilhadas pois dia após dia deixavanos a espera para reuniões marcada com a secretária Lucinete Alves. Nós aposentados e pensionistas precisamos de respeito, consideração pois já contribuímos muito para a educação municipal de juazeiro. Vamos continuar na luta por nossos direitos e esperamos algo muito bom desse novo governo. O voto do juazeirense foi um clamor de socorro.

    ResponderExcluir
  2. Nossas colegas falaram a verdade , nos aposentados e pensionistas estamos esquecidos. Trabalhamos em prol da Comunidade Juazeirense e hj o que estes órgãos citados estão fazendo conosco.
    Queremos que esta nova gestão apure todos estes fatos.

    ResponderExcluir

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS