EDITORIAL: O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM O CLÉRICO NO BRASIL ?


Foto reprodução Facebook 

Da:  Redação
Prof. Taciano Medrado

Vou iniciar esse editorial fazendo a  seguinte pergunta: O que está acontecendo com  clérico no Brasil?  Recentemente a Igreja Católica afastou padre Ramiro José Perotto, da paróquia de Carlinda (MT), da comunidade religiosa. Na última  terça-feira (19), o religioso publicou em suas redes sociais que a menina de 10 anos que foi estuprada pelo tio, no Espírito Santo, "gosta de dar" e compactuou com os atos. Outro  padre é acusado  de  se envolver em escândalo de desvio de dinheiro doados a AFIPE.

Segundo o Bahia Noticias dessa terça-feira(25) em missa realizada neste domingo (23), um padre da paróquia São João Batista, em Visconde do Rio Branco (MG) disse que deseja a morte dos fiéis que não estão indo à Igreja durante a pandemia do novo coronavírus.

"Aí a gente vai vendo quem realmente ama a eucaristia. Porque tem alguns católicos, engraçado, que têm saúde, têm tudo e diz: 'Eu só vou na Igreja quando tiver a vacina'. Tomara que não apareça vacina para essas pessoas. Ou que morram antes da vacina chegar, não é?", afirmou. 

Na visão do religioso, as pessoas que não são do grupo de risco da Covid-19 e preferem ficar em casa enquanto o imunizante não estiver disponível estão arrumando uma "desculpa para dizer que Deus não é importante".

RETRATAÇÃO

Na manhã desta segunda, o padre publicou um vídeo no Facebook oficial da São João Batista, se retratando pelo comentário. 

"Dado a celeuma que causou um comentário infeliz que eu fiz no final da missa de domingo, eu venho esclarecer, até pedir desculpas, me retratar, porque trouxe alguns transtornos. Quem me conhece sabe que eu sou aquela pessoa que luta pela vida, a vida plena. Desde sua concepção até o fim natural, como nosso senhor pede, e como é doutrina da nossa mãe igreja. E neste tempo de pandemia, quem me conhece sabe o quanto eu tenho me empenhado para preservar a vida em todos os sentidos. Então eu tenho que pedir desculpas àquelas pessoas que se sentiram ofendidas, machucadas, com as minhas palavras", desculpou-se. 

Não obstante os inúmeros casos de "pedofilia" envolvendo padres da igreja Católica, somam-se agora casos de diversas natureza (Subornos, declarações preconceituosas e levianas)  e incompatíveis com a função pastoral .

Será que só pedir desculpas é o suficiente  para reparar os danos causados por esse padres?  Será o que verdadeiro papel atribuído aos cléricos que é o de ser um missionário se perdeu ao longo dos tempos? 

Só nos resta apelar : "Senhor perdoai-vos pois eles não sabem o que fezem ".



Para ler outras matérias  acesse, www: professortacianomedrado.com

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ENQUETE

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS