Filho de Cid Moreira conta que pai o deserdou; mulher do jornalista rebate declarações


Da 
  Redação

Em entrevista à Fabíola Reipert na edição do "Balanço Geral" da Record TV, desta terça-feira (13), Roger Felipe Moreira, filho de Cid Moreira, revelou ter sido deserdado pelo pai e que ele teria afirmado ter cometido "um engano" ao adotá-lo. 

Durante a conversa, o programa exibiu um documento enviado pelo jornalista, anunciando que o jovem não faz mais parte do testamento. "Você continua sendo meu filho adotivo porque eu não consegui reverter a adoção (...). Fiz um documento e deserdei você. Escrevi de próprio punho e assinei. Juntei pareceres de profissionais da saúde para provar que não estou senil. Foi um engano te adotar. Fico feliz em saber que você está sendo capaz de se manter", escreveu Cid. 

O antigo âncora do "Jornal Nacional" ainda relembrou uma ocasião em que o filho ameaçou colocá-lo na Justiça do Trabalho, por conta de uma ajuda prestada em alguns dias de trabalho com locução. Além disso, Roger foi acusado pelo pai de inventar uma "fofoca" na imprensa nacional de que Cid não era mais famoso.

O jovem que é sobrinho da ex-esposa de Moreira, foi adotado depois de passar um período de férias na casa dos tios. Ainda de acordo com ele, após a adoção, chegou a ser proibido de frequentar a faculdade, pois os pais tinham medo que ele entrasse em contato com "pessoas erradas". 

"Foi uma vida normal, ele sempre foi muito preocupado com o meu futuro. Ele era casado com a minha tia. Eles foram ao Sul e em vim passar o Dia das Crianças aqui no Rio. Houve aquela ligação. Tinha 14 anos e fui adotado com 20", contou. 

Roger explicou que a atitude do pai lhe pegou de surpresa, mas que esperou para trazer o assunto à tona, pois precisava se recuperar. Roger também que a relação com Cid mudou após ele assumir um relacionamento. "Com 28 anos, conheci uma pessoa que foi o meu primeiro amor. Comuniquei querer minha vida e fazer coisas que eu não costumava fazer. Minha vida de dedicação 24 horas ao Cid. A partir daí, as coisas começaram a mudar", desabafou. 

"Tudo me foi retirado. Vamos dizer assim. Até o apartamento onde eu morava que foi me dado, foi retirado, o estúdio que ele fez para mim, que era uma coisa para o meu futuro, para eu ter um rendimento, para que eu não passasse dificuldade na vida", acrescentou. 


Fátima Moreira rebate falas de Roger


Na manhã desta quarta-feira (14), Fátima Moreira, esposa de Cid, rebateu às declarações do jovem em um vídeo publicado em seu perfil do Instagram.

"Ele foi adotado adulto, não foi abandonado bebê pelo Cid. Tinha pai e mãe, ele deixou pai e mãe para ser adotado pelo Cid e pela tia já adulto. O Cid conheceu ele e os dois irmãos e ajudaram a mãe e o pai dele a se instalarem aqui, em Jacarepaguá. Cid ajudou ele a montar uma loja no Leblon, porque era isso que ele fazia no Sul", disse. 

Fátima também abriu o jogo sobre o afastamento dos dois que aconteceu devido aos custos para manter o estúdio que Roger trabalhava. Com isso, Cid passou a gravar as locuções em casa e o filho ingressou como cabeleireiro, mas quando saiu do salão decidiu processar o pai, visto que na época eles já não tinham mais nenhum negócio juntos. "Não tinha mais sociedade com a ex-mulher, mais nenhuma relação profissional com ele. Estávamos fora do pais quando saiu a notícia, foi constrangedor", contou. 


Para ler mais acesse, www: professortacianomedrado.com

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS