Ex-presidente chinês é "a força" do Congresso do Partido Comunista.


O ex-presidente chinês Hu Jintao foi retirado à força neste sábado (22) do plenário onde acontecia o encerramento do 20º Congresso do Partido Comunista da China.

De acordo com informações divulgadas pela imprensa oficial chinesa, o ex-presidente "não se sentiu bem e sua equipe o acompanhou a outra sala para descansar".

Hu, com o rosto pálido, foi escoltado para fora do complexo segundos depois que a imprensa entrou no local.

Embora o ex-presidente resistisse enquanto era levado, acabou saindo depois de conseguir interpelar o atual líder Xi Jinping, que continuava olhando para a frente, alheio ao que estava acontecendo a poucos centímetros de suas costas.

O aparente e inesperado caso da retirada de Hu, antecessor imediato de Xi Jinping, chamou a atenção no encerramento do Congresso, no qual o atual líder chinês consolidou seu poder, perpetuando-se por mais cinco anos à frente do gigante asiático.

Segundo imprensa oficial, ex-presidente da China "não se sentiu bem"

A agência de notícias estatal “Xinhua” afirmou esta noite por meio do Twitter - uma rede censurada na China - que Hu "insistiu" em comparecer à sessão de encerramento "apesar do fato de que ultimamente tem precisado de tempo para se recuperar".

"Quando ele não estava se sentindo bem durante a sessão de hoje, sua equipe, por sua saúde, o levou para uma sala adjacente para descansar. Ele agora está melhor", afirma o tweet, sem mais explicações.

Alguns observadores interpretaram o caso da saída de Hu Jintao do Congresso como realmente tendo sido um possível desconforto físico.

Mesmo assim, outros especialistas estão convencidos de que o evento encenou, em uma transmissão ao vivo, diferenças desta facção do Partido, que era conhecida por ser mais liberal, pragmática e orientada ao mercado.

Reportagem da BBC destaca que as reuniões do Partido Comunista são normalmente eventos com um roteiro muito cuidadoso. Ou seja, há especulação de que a retirada do ex-presidente pode não ter sido um acidente. Seria a representação de um passado sendo simbolicamente removido.

Hu Jintao foi até mesmo "expurgado" das redes sociais chinesas. O post mais recente em que o nome do ex-presidente pode ser encontrado data de 18 de outubro, quando uma conta citou as palavras do político sobre desenvolvimento econômico.

Com informações da CNN Portugal 

Para ler a matéria na íntegra acesse nosso link na pagina principal do Instagram. www: professsortaciano medrado.com  e  Ajude a aumentar a nossa comunidade.

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS