Estudantes de escola municipal de Juazeiro participam de aula prática sobre gêneros jornalísticos

Alunos do 4° ano da Escola Municipal Professora Maria José Lima da Rocha, localizada no bairro João Paulo II, participaram de uma atividade baseada na produção de conteúdo a partir do uso dos gêneros jornalísticos. A iniciativa faz parte do projeto “A Tarde Educação”, oferecido pela Prefeitura de Juazeiro, por meio da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc), que incentiva o acesso à informação de forma educativa e dinâmica, trazendo a linguagem jornalística para a sala de aula, através do jornal e promovendo, entre outras coisas, o desenvolvimento da criticidade, do exercício da cidadania e do gosto pela leitura.

O objetivo é possibilitar que os alunos da rede pública de ensino tenham acesso à informação de forma acessível e segura, consumindo conteúdo confiável e de qualidade, para se tornarem multiplicadores de conhecimento. Na ocasião, foi apresentado os gêneros jornalísticos, responsáveis por informar, entreter e apresentar uma interpretação de credibilidade sobre determinada informação, posteriormente, foi solicitado que os estudantes produzissem um texto opinativo a partir da leitura de uma reportagem ou notícia acessadas exclusivamente, no Jornal A Tarde.

A professora da unidade de ensino, Maria José Lima da Rocha, Camilla Guirão, falou sobre o exercício proposto e a importância de instigar os alunos a pensarem de forma crítica. “Realizamos um trabalho com os tipos de gêneros jornalísticos pensando em suas respectivas funcionalidades, explorando a produção textual juntamente com a participação das famílias durante a execução. A turminha encontrou uma boa maneira de combinar leitura, oralidade e meios digitais. Cada aluno recebeu um link e senha para acessarem o jornal A Tarde, e com isso desenvolveram a atividade proposta”, explicou a professora, que continuou: “Em casa, os pais ou responsáveis realizaram a leitura de uma notícia e ou reportagem juntamente com a criança, explorando oralmente os detalhes das imagens que acompanhavam e sua relação com o texto. A proposta era que o aluno fosse capaz escrever um novo texto de opinião a partir daquilo que ele leu, com apoio e orientação da família. Todo material produzido foi enviado e compartilhado em nosso grupo de whatsApp. Os alunos também criaram vídeos de telejornal com notícias da comunidade e de assuntos relevantes da atualidade”, completou Camilla Guirão.

A notícia como recurso pedagógico

O coordenador do projeto “A Tarde Educação”, William Reis, falou sobre sobre esse novo recurso pedagógico. “O momento foi de aprendizagem para os alunos começarem a entender a necessidade de utilizarmos a notícia enquanto recurso pedagógico, considerando que, a informação é responsável por transmitir todos os eventos diários de interesse público. Levar para a sala de aula a forma adequada de consumir e produzir informação, permite a articulação das atividades entre as áreas de conhecimento, contribuindo diretamente para o aprendizado significativo da prática de leitura, produção e compreensão de conteúdos diversos”, comentou.

Texto: Camila Santana – Ascom/Seduc/PM

Para ler mais acesse, www: professortacianomedrado.com  / Siga o blog do professorTM/EJ  no Facebook, e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS