GOOGLE suspende monetização da imprensa estatal russa em suas plataformas

 

Nova sede  Google em São Paulo (Foto: Foto: Renê Fraga) — Foto: TechTudo

O Google anunciou neste domingo (27) que decidiu suspender a monetização da imprensa estatal russa em suas plataformas como represália à invasão na Ucrânia. O anúncio foi feito horas depois do YouTube comunicar a mesma retaliação. As informações são da FolhaPress.

"Nossas equipes começaram a suspender a possibilidade de canais gerarem receita no YouTube, incluindo os da RT [Russia Today, do Kremlin]", disse um porta-voz do YouTube segundo a agência de notícias AFP. Criada em 2005, a RT é acusada pelas autoridades ocidentais de contribuir para a desinformação.

Na Ucrânia, o Google proibiu downloads do aplicativo da RT a pedido do governo em Kiev.

Decisão semelhante foi tomada pela Alemanha, que proibiu a RT em seu país no início de fevereiro, o que levou a Rússia a fechar o escritório da rede alemã Deutsche Welle em Moscou.

Neste domingo, a Roskomnadzor, agência reguladora de comunicações de Putin, informou que escreveu para o Google solicitando a restauração do acesso aos canais da mídia russa na Ucrânia.

Na sexta, o Facebook informou que restringirá atividades da mídia estatal russa, que também não poderá fazer publicidade, nem gerar receita em sua plataforma. Moscou acusa a plataforma de censura.

Para ler mais acesse, www: professortacianomedrado.com

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. Qualquer reclamação ou reparação é de inteira responsabilidade do comentador. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS