ARTIGO: Banco Central do Brasil anuncia taxa média anual de juros cobradas no pais de 24,4% a.a em 2021. Entenda a verdade!

Olá   prezado(a)s leitore(a)s, 

Trago para vocês nesse meu artigo de hoje,  um tema muito importante e que afeta a vida de todos os brasileiros e dos empresários que se chama JUROS. Só em ouvir falar nessa palavra nos causa calafrios, não é mesmo? Evidentemente me refiro aqueles que costumeiramente pagam juros.

Costumo dizer ao meus alunos,  que pagar juros por atrasos e multas é ficar cada vez mais pobre, principalmente no Brasil, onde não há um órgão fiscalizador dos abusos praticados pela maioria dos  empresários, pelo menos que eu saiba .E o vilão de todos são as operadoras de cartão de instituições de créditos, a exemplo de bancos que chegam ao absurdo de cobrarem taxas de juros exorbitantes que variam de 18%  a  20% ao mês. Repito, ao mês! Quem opera com cartão de crédito e se habituou a pagar só o rotativo sabe do que estou falando, e vê todos os meses a grande bola de neve que vai se formando com o saldo devedor. 

O Banco Central informou nesta sexta-feira (28), que a taxa média de juros cobrada por instituições financeiras fechou o mês de dezembro em 24,4% ao ano. Isto representa uma taxa média mensal de 1,83% ao mês. Vale salientar que o Banco Central do Brasil referiu-se a taxas cobradas pelas instituições oficiais do governo, a exemplo do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal que são considerados bancos de fomentos e não as instituições privadas que existem no pais.  

Transformação da taxa anual para mensal

Existem duas maneiras de se determinar a taxa mensal a partir da anual e vice versa: A primeira é didático pedagógico, basta aplicar a formula de transformação de juros compostos anual para mensal, conforme a seguir:

Ia = ( 1 + i )1/12 - 1

E segunda,  é com o uso de uma calculadora financeira do tipo HC 12C que é muito prática, rápida e precisa. Evidentemente para aqueles que dominam essa ferramenta. 

Em janeiro do ano passado, a taxa estava em 20% ao ano. O resultado, que consta do relatório de Estatísticas Monetárias e de Crédito, mostra ainda que o aumento foi registrado tanto para pessoas físicas quanto para empresas.

Segundo Banco Central do Brasil, a  taxa média de juros das pessoas físicas passou de 24,3% em janeiro para 28,7% em dezembro. Já em relação às empresas, os juros médios dos empréstimos e financiamentos passaram de 13,4% para 17,4%.

Calcular juros ao mês com a Calculadora do Cidadão

O Banco Central criou a chamada Calculadora do Cidadão, que é similar a uma HP 12C, com limitações é claro , como uma alternativa  de se determinar os juros compostos para você conferir e agilizar os seus cálculos de aplicações financeiras ou empréstimos.

Apesar dessa calculadora não permitir  converter a taxa de juros anual para mensal, ela permite descobrir quatro fatores relacionados a juros compostos e aplicações financeiras de maneira muito simples e rápida, basta dar entrada nos dados na calculadora. 

Número de meses (n): permite saber quanto tempo é necessário investir para chegar a determinado valor

Taxa de juros mensa (i): permite descobrir o valor da taxa de juros mensal de um empréstimo, por exemplo, considerando o pagamento total ao fim do prazo

Cálculo do valor atual (PV): permite descobrir quanto é necessário depositar para atingir um objetivo no futuro

Cálculo do valor Futuro (VF) : permite descobrir o retorno de uma aplicação financeira.

Além disso, a Calculadora do Cidadão também possui outros formatos, como cálculos de financiamentos e correção de valores considerando a inflação de um determinado período.

(*) Bacharel em Administração de Empresas, Engenheiro Agrônomo e Professor das disciplinas Engenharia Econômica, Analise de investimentos, Finanças e Matemática Financeira.

Fonte: Banco Central do Brasil

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS