VALORIZAÇÃO: Prefeitura de Juazeiro concede recomposição salarial de 4,52% aos servidores municipais

 

foto reprodução internet/Goolge
Da redação
Por: Professor Taciano Medrado

A Prefeitura de Juazeiro concedeu recomposição de 4,52% no salário base e proventos do funcionalismo público municipal. A porcentagem, que segue o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), é fruto de um trabalho de valorização do servidor posto em ação pela atual gestão. Ao todo foram sancionadas quatro leis pela prefeita Suzana Ramos e publicadas no Diário Oficial do Município (DOEM), desta terça-feira (18).

De acordo com a prefeita Suzana Ramos, a recomposição de salário atende aos pedidos dos servidores. “Essa decisão foi de acordo com a inflação e com retroativo a janeiro de 2021 que será pago dividido em quatro vezes, num acordo que fizemos junto ao sindicato. É uma alegria imensa, porque mais uma vez buscamos o entendimento para que os funcionários da prefeitura pudessem ser beneficiados”, ressaltou. 

Segundo o DOEM, a Lei Nº 3.007 incluiu os servidores municipais estatutários efetivos ou estabilizados das áreas de Auxiliar, Auxiliar Técnico, Assistente, Assistente em Saúde, Assistente Técnico em Saúde, Analista, Analista em Educação, Analista em Saúde, Auditor Fiscal, Analista Engenheiro, Analista Médico e Analista Advogado.

Já a Lei Nº 3.008/2021 recompõe os vencimentos dos cargos de Gestor, Vice-gestor Escolar e Coordenador Pedagógico da rede pública municipal de ensino. E a Lei Nº 3.009/2021 recompõe o piso salarial do magistério público da educação.

A última Lei de Nº 3.011/2021 recompõe os salários dos servidores lotados na Guarda Civil Municipal.

O gestor de políticas públicas da Secretaria de Gestão de Pessoas (Segesp), Elival Alves, explica que “as despesas decorrentes da Lei Nº 3.007 serão supridas por recursos próprios da Prefeitura. As Leis Nº 3.008/2021 e Nº 3.009/2021 estão contidas no orçamento da Secretaria de Educação e Juventude (SEDUC). Já as despesas da Lei Nº 3.011/2021 serão custeadas pelas verbas orçamentárias próprias constantes na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2021”.

Texto: Eudes Sampaio - Assessor de Imprensa da SEGESP/PMJ


Para ler mais acesse, www: professortacianomedrado.com

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.


Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS