PRESIDENTE DO STF NEGA RECURSOS DE WITZEL PARA ADIAR JULGAMENTO NO STJ


foto reprodução internet

Da:  Redação
Prof. Taciano Medrado

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, negou pedido apresentado pela defesa do governador eleito Wilson Witzel (PSC-RJ) para adiar o julgamento do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Com isso, a Corte Especial do STJ vai analisar, em sessão prevista para ocorrer na tarde desta quarta-feira (2), a decisão do ministro Benedito Gonçalves que determinou o afastamento de Witzel do governo do Rio de Janeiro.

Segundo informações do G1, a defesa do governador havia argumentado que não haveria tempo hábil para o STJ julgar o tema antes que o STF analisasse o recurso apresentado. Mas o presidente da Corte Suprema entendeu que isso não justifica uma intervenção.

O afastamento de Witzel será julgado pelos 15 ministros compõem a Corte Especial. Técnicos do tribunal estimam que serão necessários 10 votos para manter a decisão de Gonçalves. 

Witzel recebeu a ordem do ministro na última sexta-feira (28) em decorrência de supostas irregularidades e desvios na saúde. A Procuradora-Geral da República (PGR) chegou a pedir a prisão do governador, mas o ministro julgou que o afastamento era suficiente .


Para ler outras matérias  acesse, www: professortacianomedrado.com

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS