SECRETARIA DE SAÚDE DE JUAZEIRO SE MANIFESTA SOBRE QUADRO DE SAÚDE DE MÃE E FILHA




foto reprodução internet

Da Redação
Prof.Taciano Medrado

Segundo informações da RedeGN na sua edição de hoje (31), o hospital da mulher em Juazeiro com relação ao caso da parturiente que pariu no chão da Secretaria da Saúde comunicou  que a paciente e a filha tiveram o exame realizado na manhã desta segunda-feira (31) no Hospital Materno Infantil de Juazeiro. 

A realização dos testes da COVID-19 não foi feita anteriormente por ser necessário o mínimo de três dias com sintomas para a realização. Ambas tiveram swab rápido realizado com resultados negativos. A mãe está sendo transferida para o Hospital Dom Malan por conta de um quadro de pré-eclâmpsia e a criança aguarda regulação através da Central de Regulação Interestadual de Leitos (CRIL) para UTI neonatal. A SESAU informa ainda que toda a assistência as pacientes estão sendo tomadas.

Em e-mail enviado ao RedGN, Luana Ferreira irmã da parturiente que teve o bebê sexta-feira (28) na recepção da Maternidade Municipal escreveu solicitando que a Secretaria de Saúde ofereça uma melhor assistência a irmã e ao bebê. 

Confira abaixo a  mensagem de Luana Ferreira:

"Eu sou a irmã da moça que teve a bebê na recepção do Hospital Clise de Juazeiro, eu venho aqui para te pedir para que faça uma matéria explicando o ocorrido com a minha irmã e a bebê dela.

Só eu sei o quanto a minha irmã está sofrendo com tudo que passou e que ainda continua passando além do constrangimento de ter a sua filha na recepção do Hospital com homens mulheres presenciando aquela cena sem ter uma ajuda de nenhum profissional.

A mesma ainda continua sendo enganada e esperando falsas Promessas de que vai encontrar uma vaga para ela em qualquer lugar, em uma UTI Neonatal. Disseram que ela ia ser transferida para uma UTI em Irecê, mas relataram que ela estava com suspeita de covid-19.

Seu esposo disse que poderia ir com a menina para Irecê, mas eles falaram que já tinha perdido a vaga. No dia seguinte, surgiu uma outra vaga em Recife mas eles falaram que ia fazer o teste rápido na mãe da menina isso na manhã do domingo quando foi à tarde que era para ser realizado o teste rápido para que a menina fosse para Recife disseram que em Juazeiro não tinha como fazer esse teste porque aqui não tinha o teste que teria que vir de outro lugar e então tá lá a menina dentro de uma incubadora que não é o correto para ela que ela tem apenas 29 semanas.

Ela é uma bebezinha sadia que está apenas precisando de uma UTI e eles não resolvem, não fazem nada. Eles estão apenas ganhando tempo para que a minha sobrinha perca peso que nem ela já está perdendo e venha a óbito.

Ajude-nos, para que eles façam alguma coisa para que minha sobrinha seja transferida, por favor! ". Luana Ferreira




Para ler outras matérias  acesse, www: professortacianomedrado.com

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ENQUETE

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS