VISANDO 2022, PLANALTO MONITORA AÇÃO QUE PODE DEIXAR MORO INELEGÍVEL


foto reprodução internet
Da Redação
Prof. Taciano Medrado

Olá caríssimo(a)s leitore(a)s,

O Palácio do Planalto trabalha para minar uma possível candidatura à Presidência do ex-ministro da Justiça Sergio Moro. Na avaliação de Jair Bolsonaro, Moro é "candidatíssimo" para as eleições de 2022.

De acordo com o jornal Estado de S.Paulo, os olhos do Planalto, neste momento, estão em uma denúncia feita por um grupo de advogados na Comissão de Ética Pública da Presidência para que Moro seja investigado por possíveis atos ilícitos no período em que ocupou o cargo de ministro da Justiça.

Caso seja condenado pela Comissão, o ex-juiz da Lava Jato fica inelegível.

A peça é assinada pelo jurista Celso Antonio Bandeira de Mello, próximo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e pelos advogados Mauro Menezes, presidente da Comissão no governo Dilma Rousseff, e Marco Aurélio de Carvalho, filiado ao PT.

Internamente, Bolsonaro avalia que o discurso feito por Moro para abandonar o ministério, no último dia 24, assim como seu depoimento à Polícia Federal de Curitiba, fortalecem a tese de que ele pensa em uma candidatura à presidência.


Para ler outras matérias  acesse, www: professortacianomedrado.com

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Blog do professor Taciano Medrado. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ENQUETE

LEITORES ONLINE

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas

Marcadores

Seguidores

Arquivo do blog

TM TV

PARCEIROS